Docentes da UEMS são finalistas do Prêmio Fundect Pesquisador 2021

Por: Eduarda Rosa | Postado em: 20/10/2021

A Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect) publicou nesta quarta-feira (20), a lista dos finalistas no “Prêmio Fundect Pesquisador Sul-mato-grossense” 2021.

Cinco Instituições de Ciência e Tecnologia de MS participaram, em cinco categorias, totalizando 15 finalistas. Dentre estes a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) tem três finalistas: dois Professores na categoria Pesquisador Destaque: Marcos Antônio Bessa Oliveira (Ciências Humanas); Claudia Andrea Lima Cardoso (Ciências Exatas). E um docente na categoria Pesquisador Inovador: Yzel Rondon Súarez (Inovação para o Setor Empresarial).

A premiação tem como objetivo reconhecer o trabalho de profissionais que desenvolvem relevantes pesquisas científicas, tecnológicas e de inovação e que contribuem para o desenvolvimento do Estado de Mato Grosso do Sul por meio da Ciência, Tecnologia e Inovação.

A divulgação dos vencedores ocorrerá  em cerimônia pública no 27 de outubro, às 9h, no auditório do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), em Campo Grande, com transmissão pelo Facebook da Semagro: https://www.facebook.com/semagroms

 

DOCENTES DA UEMS

Pesquisadora Destaque: Claudia Andrea Lima Cardoso (Ciências Exatas) 

Técnica em Química Industrial pela UTFPel, Licenciada em Química pela UFMS, Mestrado e Doutorado em Química pelo Instituto de Química de Araraquara - UNESP. Docente da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, atuando em cursos de graduação e no programa de pós-graduação stricto sensu em Recursos Naturais. Também atua como docente nos programas de Mestrado em Química da UFGD e no Doutorado em Química da UFG-UEG-UFGD. Experiência nas áreas de Química, Biotecnologia e Ciências da Saúde, com ênfase em técnicas cromatográficas e espectroscópicas aplicadas à análise de amostras de origens vegetal, animal e ambiental e em avaliação de potencialidades biológicas visando o desenvolvimento de produtos. Tem desenvolvido estudos em várias áreas, mas a maioria com foco em plantas medicinais e alimentícias com destaque para as ações fotoprotetora, anestésica, anti-inflamatória, analgésica, antimicrobiana e antitumoral, além de análises químicas, biológicas e toxicológicas in vivo e in vitro em produtos oriundos de amostras de origens vegetal e animal. Exerceu, também, a função de Diretora Científica da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento, Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (FUNDECT-MS) e membro do Conselho Superior da FUNDECT-MS. Foi coordenadora adjunta do curso de Química e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais ambos da UEMS. Presidente Adjunta de Programas Acadêmicos da Câmara III (Engenharia, Tecnologia e Gestão) da Área Interdisciplinar da CAPES. É revisora em manuscritos de periódicos internacionais e nacionais, membro de conselho editorial e consultora ad hoc em agências de fomento. 

 

Pesquisador Destaque: Marcos Antônio Bessa Oliveira (Ciências Humanas)

Professor Efetivo da UEMS - Unidade Campo Grande - nos Cursos de Graduação em Artes Cênicas, Dança e Teatro - da cadeira de Artes Visuais e Professor Permanente do PROFEDUC - Programa de Mestrado Profissional em Educação. É Artista Visual, Pós-Doutor em Estudos de Linguagens (FAALC/UFMS); Doutor em Artes Visuais - pela linha de pesquisa Fundamentos Teóricos - pelo IA-Unicamp. É Mestre em Estudos de Linguagens e Graduado em Artes Visuais - Licenciatura - Habilitação em Artes Plásticas pela UFMS. Coordena o NAV(r)E - Núcleo de Artes Visuais em (re)Verificações Epistemológicas. É Representante Regional - Mato Grosso do Sul-MS - e Membro Associado da ANPAP - Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas. Desenvolveu pesquisas com Bolsas CAPES e PIBIC/CNPq no Doutorado, Mestrado e na Graduação. Desenvolve pesquisa vinculada ao NAV(r)E-UEMS/CNPq sobre a produção artística (PRÁTICA, PEDAGÓGICA E TEÓRICA) de Mato Grosso do Sul. É Editor dos CADERNOS DE ESTUDOS CULTURAIS. É membro dos Grupos de Pesquisas: NECC-UFMS, Estudos Visuais - IA/UNICAMP e O processo identitário do indígena de Mato Grosso do Sul: análise documental e midiática da luta pela terra - UFMS. Tem livros e diversos artigos publicados sobre a produção artístico-plástica sul-mato-grossense e sobre Clarice Lispector - pintora/escritora e em nível nacional e internacional. Tem experiência na área de Fundamentação Teórica em Artes Visuais, com ênfase em Artes Plásticas, no Ensino em Artes Visuais, Poéticas Artísticas, Processos Criativos atuando principalmente nos temas: Estudos Visuais, Crítica Biogeográfica Fronteiriça, Paisagens Biogeográficas, Pensamento Descolonial, Estudos de Culturas, Memória e Arquivo Culturais, Identidade Cultural, Colonialidade e Diferença Colonial, Pesquisas em Artes Visuais, Teorias das Artes Visuais, História da Arte, Arte e Ensino, Literatura/Pintura e Organização de Exposições. 

 

Pesquisador Inovador: Yzel Rondon Súarez (Inovação para o Setor Empresarial) 

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1995), mestrado em Ecologia e Conservação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1998) e doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2004). Desde 1998 é professor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul atuando nas áreas de Ecologia de Comunidades de Peixes, Biologia de Peixes, Avaliação e Monitoramento de Ambientes Aquáticos e Ecologia Quantitativa. 

 

SOBRE A PREMIAÇÃO

Serão premiados pesquisadores em duas categorias diferentes: Pesquisador Destaque e Pesquisador Inovador. A categoria Pesquisador Destaque divide-se em 3 subcategorias: Ciências da Vida, Ciências Exatas e Ciências Humanas. Serão premiados os três primeiros colocados em cada uma destas subcategorias (1º lugar com 10 mil reais, 2º lugar com 5 mil reais e 3º lugar com 3 mil reais).

Já a categoria Pesquisador Inovador divide-se em duas subcategorias: Inovação para o setor empresarial e Inovação para o setor público. A premiação segue o mesmo parâmetro da categoria anterior, premiando-se os três primeiros colocados de cada subcategoria com os mesmos valores citados acima.

Confira a lista completa: https://www.fundect.ms.gov.br/wp-content/uploads/2021/10/02-Extrato-Lista-FInal-FINALISTAS-Chamada-23-2021.pdf 


Anexos: