Professor da UEMS é indicado ao Prêmio César Lattes

Por: Eduarda Rosa | Postado em: 07/10/2021

Edmilson de Souza promoveu ações com o Planetário da UEMS por mais de dez anos

O professor e pesquisador da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Edmilson de Souza, do Curso de Matemática da unidade de Nova Andradina, foi indicado ao Prêmio César Lattes para o ano de 2021. A Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) da Câmara dos Deputados, em Brasília, publicou a lista com os 10 indicados ao Prêmio, que tem o objetivo de reconhecer personalidades, físicas e jurídicas, que se destacaram na defesa e na promoção da ciência, da tecnologia e das inovações”.

A indicação foi baseada na atuação que o professor Edmilson de Souza realizou na área de Divulgação Científica, através do Planetário da UEMS, durante mais de uma década, levando a todas regiões de Mato Grosso do Sul o conhecimento sobre o Céu desenvolvido por diferentes povos.

O professor Edmilson de Souza comenta que a indicação, por si só, é o reconhecimento pelos esforços de uma equipe “que contou, ao longo de muitos anos, com dezenas de estudantes, vários pesquisadores, além de toda uma rede de apoio, que vai da administração da instituição até o precioso trabalho dos jornalistas da Assessoria de Comunicação da UEMS, passando pelos órgãos de fomento que auxiliaram, com recursos financeiros, para que o projeto pudesse atender cerca de 110.000 pessoas”.

A indicação foi protocolada junto à CCTCI pelo Deputado Federal Vander Loubet, cujo mandato acompanha e apoia de perto diversos projetos de alcance social produzidos pela academia. No caso do Planetário, o projeto se tornou um importante instrumento de popularização da ciência ao mesmo tempo em que valorizou o diálogo entre o conhecimento científico e os saberes tradicionais, com vistas a auxiliar no acesso desigual da população a estruturas como o planetário da UEMS, que por muito tempo foi o único presente em MS.

No próximo dia 16 de outubro, em evento de audiência pública, por oportunidade da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), a CCTCI comunicará os cinco premiados com o Prêmio César Lattes.

"É gratificante ver a nossa jovem Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul presente nesse importante gesto da Câmara Federal em apoio à Ciência brasileira, e ao mesmo tempo, indispensável para esse momento tão dramático em que cresce o negacionismo, que, também, é um indicador de que a percepção pública da ciência precisa de atenção especial de todos nós”, finaliza o professor Edmilson de Souza.


Anexos: