UEMS assina Termo de Cooperação Técnica e integra Programa de Governança do Conselho dos Lindeiros

Por: Eduarda Rosa | Postado em: 21/01/2022

A UEMS foi representada pelo Prof. Dr. Tiago Zoz - Fotos: Gabriel Gurjão

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) assinou o Termo de Cooperação Técnica e passou a integrar o Programa de Governança do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu. A Assembleia Geral Ordinária do Conselho ocorreu nesta quinta-feira (20), no auditório da Universidade Paranaense (Unipar), em Guaíra, no Paraná.

Na reunião, a UEMS foi representada pelo Professor Dr. Tiago Zoz, da Unidade de Mundo Novo, também participaram prefeitos, presidentes das câmaras de vereadores, presidentes das associações comerciais e empresariais dos municípios lindeiros ao Lago de Itaipu, além da presença do assessor especial da diretoria da Itaipu, Major Washington Vasconcelos Santana, o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex,  e de docentes da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) e Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

Entre os temas da pauta da assembleia estava a Assinatura dos termos de Cooperação Técnica entre o Conselho e as universidades e a apresentação do relatório do Programa de Governança referente ao ano de 2021.

O presidente do Conselho,  Heraldo Trento, citou a assinatura dos dois termos de cooperação, um com a UTFPR e outro com a UEMS. “Já temos esta parceria com a Unioeste para cuidar da implantação de uma usina de projetos, que tramita junto à Itaipu Binacional e teremos condições para criar um fundo para projetos estruturantes na região”, ressaltou Trento.

Por intermédio do Programa de Governança Regional (PGR), o Conselho dos Lindeiros reúne diversas instituições e instâncias de governo para a estruturação e desenvolvimento de projetos em prol da inovação e inteligência para o desenvolvimento dos arranjos produtivos.

Ao longo de 2021 foram realizadas várias reuniões, em Mundo Novo e nos demais municípios que compõe o Conselho para alinhar as ideias e definir o plano de ação. O relatório, referente as atividades realizadas em 2021, foi apresentado na Assembleia Geral Ordinária. Este relatório contém os projetos e ações prioritárias que vão nortear todo o programa.

O objetivo do Programa é atender as demandas dos municípios, a partir de programas governamentais, visando contribuir para o desenvolvimento e a transformação da região. Espera-se uma série de melhorias para a região dos municípios lindeiros ao Lago de Itaipu, tais como, geração de trabalho, emprego e renda; novos negócios e investimentos, competitividade para os arranjos produtivos, mais equilíbrio entre as dimensões sociais, econômicas e ambientais e preservação de recursos naturais.

Sobre o Conselho

A região dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu é composta por 16 municípios; destes, 15 são do estado do Paraná. Mundo Novo é o único município do Mato Grosso do Sul que compõe o Conselho.

O Conselho de Desenvolvimento dos Municipios Lindeiros ao Lago de Itaipu foi fundado em 13 de março de 1990, descrito como pessoa jurídica, de direito privado, sem fins lucrativos, exercendo sua atividade com autonomia administrativa e financeira.

É composto por representantes das Prefeituras Municipais, Câmaras de vereadores e Associações Comerciais dos dezesseis municípios lindeiros. Tem por finalidade promover o desenvolvimento sócio-econômico urbano e rural de toda a região de forma integrada, respeitando as diferentes características de cada município, contando sempre com a parceria da Itaipu Binacional. Acesse o documento "Programa de Governança, Inovação e Inteligência para Desenvolvimento dos Arranjos Produtivos nos Municípios Lindeiros ao Lago Itaipu" AQUI.

Mais informações: www.lindeiros.org.br 


Anexos: