UEMS/Mundo Novo: Começa construção de Laboratório de Fertilidade do Solo e Herbário

Por: Tatiane Queiroz | Postado em: 22/12/2021

Obra começa a ser realizada na Unidade Universitária de Mundo Novo (Foto: Leandro Marra/UEMS)

O Laboratório de Fertilidade do Solo e Herbário da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), que será sediado na Unidade Universitária de Mundo Novo, começou a ser construído. A obra, de 500m2, licitada no valor de R$ 1.826.669,31, teve início nesta terça-feira (21).

A obra é resultado de um Convênio de Cooperação Técnica e Financeira assinada entre a UEMS e a ITAIPU Binacional em agosto de 2020. Além da construção das edificações, o convênio, com valor de R$ 7,8 milhões, prevê ainda a aquisição de equipamentos e o desenvolvimento de ações técnico-científicas e socioambientais no Cone-sul de Mato Grosso do Sul.

A autorização para o início das obras foi assinada no dia 29 de novembro, durante solenidade realizada na Unidade Universitária de Mundo Novo, com a presença do governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, o prefeito de Mundo Novo, Valdomiro Sobrinho, e o reitor da UEMS, Laércio Alves de Carvalho. Pela Itaipu Binacional, que também integra o convênio, estavam presentes o assessor da Diretoria Geral, Aloisio Lamim e o assistente Márcio Bortolini, representando o diretor de Coordenação, general Luiz Felipe Carbonell. A ordem de serviço foi dada no dia 10 de dezembro e a empresa ganhadora da licitação teria 30 dias para iniciar os trabalhos, mas iniciou a obra em 11 dias. O alvará de construção foi concedido pela Secretaria de Infraestrutura de Mundo Novo.

O Laboratório de Fertilidade do Solo contribuirá para análises de solo da região, o que beneficiará os produtores rurais e as empresas públicas e privadas de Mato Grosso do Sul. O Herbário, que será o primeiro da UEMS, fortalecerá o conhecimento sobre os exemplares da flora brasileira e toda sua biodiversidade.

Para o Prof Dr. Leandro Marra, Coordenador do Convênio UEMS/ITAIPU e Gerente da UEMS de Mundo Novo, o início das obras ainda em 2021 é um grande divisor de águas e demonstra o compromisso da UEMS com o desenvolvimento do convênio e suas entregas. "Saímos da teoria e da papelada e entramos na parte prática. Isso ocorreu em tempo recorde e traz um sentimento de realização, de alegria e de estamos no caminho certo. Agradeço aos servidores técnicos, docentes e todos que estão direta e indiretamente envolvidos em cada etapa deste convênio. Também faço uma menção especial ao prefeito interino de Mundo Novo, Paulo Lourenço, pela agilidade e compromisso. São os sonhos que se transformaram em projetos e agora iniciam a materialização em infraestrutura física e tecnológica que trará um avanço significativo para a nossa UEMS no âmbito da segurança hídrica, conservação da biodiversidade, da conservação dos solos, das mudanças climáticas, enfim, do desenvolvimento territorial sustentável. É a nossa Universidade, mais uma vez, como agente estratégico de MS, sendo protagonista e contribuindo com o Plano de Gestão Estratégico do Estado e também da ITAIPU Binacional", enfatiza Marra.

O professor Dr. Leandro Fleck, coordenador do curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, enfatiza a importância do início das obras para as atividades acadêmicas. “Além de reforçar o compromisso da UEMS e serenidade com a condução das ações previstas no convênio firmado com a Itaipu Binacional, o início das obras representa um avanço concreto, real e breve nas atividades de ensino, pesquisa e extensão pelos três cursos ofertados pela UEMS de Mundo Novo a partir de 2022, além de impactar positivamente nas atividades de agricultura familiar, de imensurável importância para o estado de Mato Grosso do Sul”, destaca Fleck.


Anexos: