Educação (Campo Grande)

Interações com a Sociedade

O Programa de Mestrado Profissional em Educação (Profeduc) tem trazido importante contribuição para a comunidade regional, por meio da formação de educadores para a educação básica do estado de Mato grosso do sul e demais estados circunvizinhos. É visível grande melhoria na formação profissional de educadores que atuam nas redes públicas de ensino. Tal assertiva é expressa na aplicação das propostas de intervenção. As dissertações versam sobre um problema encontrado nessa etapa da educação e apresentam uma proposta de intervenção. Dentre as propostas decorrentes das dissertações já defendidas, cerca de 50% já foram aplicadas na rede pública de ensino e demonstram seus desdobramentos na organização das redes de ensino, nas secretarias de educação e nas escolas. No caso da Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso do Sul (SED/MS), há um Convênio (UEMS/SED-MS nº 744/2014), no qual 40% das vagas do Processo Seletivo são disponibilizadas para os educadores vinculados.
O projeto pedagógico do Programa é estruturado de modo a promover intersecções acadêmicas através da matriz de disciplinas, projetos interdisciplinares e atividades multilaterais. O desenvolvimento das atividades no interior do Programa vem otimizando esforços de pesquisa em duas linhas de pesquisa e estas vêm se articulando para fortalecer a pareceria com outros Programas por meio de participação no Programa PNPD/CAPES. Atualmente dois docentes já fizerem estágio pós-doutoral por meio desse Programa. Além disso, tem contado com professores externos na condição de co-orientação, realização de projetos de pesquisa em rede e Colóquios Pedagógicos. Todos os docentes participam de Fóruns de educação. Uma docente é Conselheira do Conselho Estadual de Educação e outra do conselho Municipal de Educação. Todos os docentes participam de grupos de trabalhos nos Conselhos Estadual e Municipal de educação. Dois docentes são avaliadores de Cursos de Graduação por meio do Basis/Inep. Todos os docentes também atuam como pareceristas em projetos, Comissão Científicas em eventos e Fundações de Pesquisa.

O Programa tem na sua matriz curricular as atividades complementares. Trata-se de um componente curricular obrigatório de múltiplos formatos, que visam complementar a formação do discente no que tange ao aprofundamento de estudos e pesquisa, ampliar o seu conhecimento teórico-prático, fomentar a prática de trabalhos integrados entre grupos. Duas atividades permanentes compõem esse componente curricular: os Colóquios Pedagógicos e os Seminários Integradores. Os Colóquios Pedagógicos constituem-se de sessões de debate, palestras e seminários que visam o tratamento de tema específico de interesse das linhas de pesquisa do Programa e serão organizados mensalmente pelas coordenações de Linha de Pesquisa. Tem o objetivo de fomentar a produção de conhecimento, disseminar conhecimentos e subsidiar as pesquisas desenvolvidas no âmbito do Programa. Além disso, tem como finalidade promover a integração entre pesquisadores, estudantes da graduação, pós-graduação e educadores da educação básica.
Os Seminários Integradores são encontros científicos realizados anualmente pelo Programa, cuja finalidade é acompanhar os egressos do Programa. Contam com a participação dos discentes do Programa e dos egressos, além de alunos de graduação e convidados externos, entre esses profissionais da educação básica. Nessa sessão, os egressos são convidados a expor a pesquisa desenvolvida no Programa e sua proposta de intervenção, destacando os desdobramentos/impactos da sua formação como profissional da educação básica. As atividades complementares serão normatizadas pelo Colegiado de Curso.


Objetivos do Programa
Áreas de Concentração
Linhas de Pesquisa
Disciplinas
Corpo Docente e Discente
Documentos e Formulários
Processo Seletivo
Bolsas
Produção
Infraestrutura
Apoio Financeiro
Inserção Social
Cronogramas
Banco de Teses e
Dissertações
Eventos
Egressos
Links Úteis
Pós Doutorado
Interações com a Sociedade
Contato